segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Desculpa mãe!

Há uns dias atrás em conversa com um bom amigo virtual descobri que, tendo tido uma juventude normal e como vicio único o tabaco que graças a mim já ficou para trás (e com o qual a minha mãe nunca embirrou), se tivesse tido outros Pais teria dado com eles em doidos e atirado com a minha mãe para um Hospital! O meu amigo dizia que costumava ir ao café e voltava sempre por volta das 22 horas para não deixar a mãe em cuidados... Isto não é normal de todo tendo ele supostamente 31 anos como eu lhe disse. Ora eu que aos 26 saía e no dia seguinte tinha a minha mãe a dizer hoje chega mais cedo e eu chegava mais tarde ainda e de semana. Ao fim de semana saía com os óculos de sol na cabeça... Davam jeito para quando chegava! Eh! Eh! Eh! Coitados sofreram tanto e tivemos tantas guerras e feias lá em casa as quais no dia seguinte eu já tinha esquecido. Acredito que um dia também vou ser assim muitas vezes os Pais pecam por protecção a mais. Eu acho que vou ser pior... afinal sei como eu era e como os outros eram. Esperar para ver.... lol.

1 comentário:

Nuno Medon disse...

Lol! Eu sei do que estás a falar e de quem falas! Geralmente, gosto de ir ao café jogar snooker e beber um pingo e não gosto de chegar muito tarde a casa....o mais tardar entre as 22 h e 22.30 h.... quando me sinto bem, tento ficar até mais tarde! A minha mãe confia em mim, mas quando me pergunta onde estive e lhe digo que estive o tempo todo no café, parece não acreditar....lol! Terá sido por eu nesse dia ter levado o carro da minha mãe ao café e por isso ela ficou preocupada? deve ter sido...lol. Beijos e um abraço