quinta-feira, 8 de maio de 2008

O céu caiu novamente...

Não consigo perceber… sabia que até estava muito bem disposta… um telefonema e deixou-me sem vontade de….porquê??? Pensei que quando duas pessoas se amam queriam acima de tudo estar juntas. Enquanto as forças nos permitirem deveríamos aproveitar o tempo livre para fazer tudo a dois. Não consigo perceber… terei eu anulado a minha vida sem dar por ela e sou eu que estou a agir mal??? Expliquem-me… o meu apêndice decidiu, sem me perguntar a opinião, entrar para a Direcção da Associação aqui do lugar ao lado. Agora todas as Segundas há reuniões, todos os Domingos vão para lá, parece que é no próximo feriado… e eu sozinha em casa. Quando lhe digo que não gosto e estou farta diz-me que não tenho motivos para estar assim… tudo me começa a parecer pretexto para sair de casa.. Responde-me que quer eu queira quer não queira se meteu naquilo e agora tenho de me aguentar porque ele vai ter de assumir responsabilidades – eu pergunto – antes disso não se terá ele metido num casamento e não deveria ele também assumir responsabilidades???? Estou a fazer filmes? Se calhar… mas uma certeza eu tenho – eu não casei para estar triste e sozinha em casa… tenho medo de reagir. Mas acho que tenho de começar a ter a minha vida de volta

6 comentários:

Sorrisos em Alta disse...

Tem calma miúda!
Também não se tem que pedir autorização para tudo... sempre que vais ao WC apresentas-lhe uma requisição por escrito???

pedroecristina disse...

Não é autorização - acho que como casal deviamos tomar mais decisões a dois em vez de tomar algumas que mudam a nossa vida e só depois as comunicar! Jinhos.

Sorrisos em Alta disse...

Umas horitas por semana não mudam a tua vida.

Vê as coisas pela positiva: Ficas com tempo livre para blogar!

Bacci

carvoeirita disse...

minha querida amiga....nem sei por onde começar..o meu apêndice é voluntario no INEM, e apesar de ter sido por este hobby que nos conhecemos é cada vez mais um obstáculo entre nós...há sempre pessoas a precisarem de ajuda...e eu sozinha em casa...fins de semana inteira...n inverno porque há diluvios, no verão incendios e afogamentos nas praias...
Eu sempre quis alguem para quem eu fosse prioridade numero 1..mas sinto-me sempre posta de parte.
Mas quando ele chega a casa com os olhos a brilhar porque nasceu um bébe na ambulancia, ou aquela senhora que ele foi buscar ao hospital com uma recaida lhe ofereceu lanche por ele ter sido tão simpatico e atencioso...eu esqueço tudo....
Resolvi encontrar eu um hobby que me fizesse sentir realizada e agora sou voluntária num canil para cães abandonados ou encontrados aleijados nas estradas.
e agora também eu chego a casa com um brilhozinho no olhar.
Temos fins de semana só nossos.
O amor nunca pode ser uma prisão de nós mesmos...se tudo correr bem optimo mas se não correr não ficas perdida no vazio solitário de um fim de relação.
Desculpa lá o testamento mas tenho oito anos de experiência..todos a tua disposição se precisares de falar.
Um grande beijinho!!!!!!

pedroecristina disse...

sorrisos em alta

Não é bem umas horitas por semana - quer-se dizer - até são! Eu acho tempo demais - segunda e quinta á noite e agora quase todos os domingos e feriados quando também não é um dos dias à noite! MAs tudo bem - quando não os consegues vencer, junta-te a eles - e para além do facto de ficar com mais tempo para blogar, vou eu própria arranjar que fazer nesse tempo livre. Estar sozinha sempre foi uma frase que me assusta. Se tem de ser, vou ter de comprar a cannon 400 D que tanto cria e dedicar-me mais à fotografia que eu adoro ou arranjar outra coisa - além disso posso ficar com muito mais tempo livre para comentar os teus posts. Jocas.

pedroecristina disse...

Carvoeirita

Pois amiga - foi o facto de saber de histórias dessas que me levou a correr ao lado dele em vez de correr contra. Se poder ajudar muito bem - caso contrário vou arranjando que fazer para mim também. Uma das coisas que mais tenho pena de viver onde vivo é não poder ser voluntária com crianças - amava! Mas deve haver outras coisas - obrigada - vou contar com esses 8 anos. Eu tenho dez contando com o namoro - de casada vai fazer 3. Beijos - a minha porta também está sempre aberta para ti! beijos g'andesssss.